segunda-feira, 28 de novembro de 2011

10 dicas para incrementar a produtividade de um armazém

Incrementando a produtividade
do armazém

10 tips – step by step solutions - Inbound Logistics – November 2011 pag 12

Trago esta semana a tradução da excelente coluna “10 tips – step by step solutions” da revista “Inbound Logistics”, que desta vez trata de dez modos de incrementar a produtividade do seu armazém, na opinião de Jason Minghini, que é o diretor sênior para melhores práticas da Kenco Logistic Services em Chattanooga, Tenn,

Segundo ele, a eficiência do armazém promove a produtividade, que é essencial para a satisfação dos clientes. E a partir dessa constatação dá as seguintes dicas para criar uma operação de armazém mais eficiente e produtiva.

1.     Comunique eficientemente

Comunicar de modo claro e transparente aos seus colaboradores, quais são as metas organizacionais e os processos para atingi-las é a chave para as operações eficazes do seu armazém.

Quando os gerentes falham em criar um ambiente de comunicação aberto e claro, a produtividade dos colaboradores sofre, resultando em um alto turnover e desperdício de recursos.

2.     Padronize seus recursos...

através da redução do potencial de variabilidade em áreas tais como descarregamento, contas a pagar, horários dos turnos, e gerenciamento dos recursos. A padronização economiza tempo e dinheiro, e reduz os erros.

3.     Mensure aquilo que interessa...

para obter a melhoria contínua em seus processos.
Se um resultado não é importante para seus consumidores e acionistas, não perca tempo em medi-lo. Um Centro de Distribuição terceirizado de uma grande empresa americana adotou um programa de medição de trabalho para medir e reportar o desempenho do armazém ao nível dos empregados. Com isso a instalação incrementou a produtividade em 10% e reduziu os custos de mão de obra em 11.3%.

4.     Determine o que direciona os seus processos...

para assegurar as conexões causais entre as entradas e os resultados.
Os indicadores críticos de desempenho (KPIs) refletem o passado; padronização e proteção contra os erros são a resposta para a produtividade agora.

5.     Use o método DMAIC...

para entender o “Por que” de suas operações, e não somente o “Como”. Esta abordagem de 5 passos – Defina – Mensure – Analise – Implemente – Controle – reduz as custosas variações de processo. Sendo a espinha dorsal da metodologia 6Sigma, o método DMAIC assegura um desempenho sustentável, um desempenho livre de defeitos, e custos altamente competitivos.

6.     Envolva, alinhe, e fortaleça seus colaboradores

As pessoas que fazem o trabalho diariamente são experts no processo e conhecem como reduzir ou eliminar desperdícios.  Alinhar seus gerentes e staff com uma cultura da empresa que seja comprometida com o questionamento, com a responsabilidade, parceria, e satisfação dos consumidores pode impactar de modo significante a produtividade do armazém.

7.     Educar suas lideranças...

para fazer as perguntas certas, juntar as informações necessárias, tomar decisões, e tomar as ações corretivas apropriadas. Isto é vital para melhorar os processos, produtos, e serviços.

8.     Criar um programa de treinamento robusto...

que incorpore um treinamento cruzado.
Desconstrua cada tarefa em seus elementos constituintes e apresente a operação para os novos empregados. Permita que eles testem seus próprios desempenhos antes de liberá-los para o processo. Isto é mais eficaz do que o tradicional método de “afunde ou nade”.

9.     Incorpore o uso de um tempo de compasso (ritmo)...

para adquirir um fluxo sólido e completo através de instruções padronizadas de trabalho. Ao especificar o tempo máximo de ciclo permitido para produzir um produto de modo a atender a demanda, o ritmo estabelecido (TAKT time) permite que você trace suas metas mostrando aos operadores exatamente onde seus resultados de trabalho devem estar em um dado ponto.

10.     Olhe para as variações, não só para as médias,...

para incrementar a produtividade.
Isto é o coração do sistema 6Sigma: reduzir a variação – ou a variância – para tornar o processo mais estável e previsível.  Encontre uma métrica significante que reflita o seu processo, e então reduza a variabilidade desse processo tanto quanto possível.

 

Valter Mello

Clínica Logística

Nenhum comentário:

Postar um comentário